Profissionais de academias fazem novo ato para tentar alterar decreto

| DOURADOSNEWS / JESSICA BEATRIZ


Profissionais de academias na Prefeituta Municipal de Dourados - Crédito: Hedio Fazan/Dourados News

Na manhã desta sexta-feira (10), representantes de academias estiveram na Prefeitura Municipal de Dourados para tentar reverter o decreto n° 2.723 do dia 8 de julho, assinado pela prefeita Délia Razuk (PTB), no qual ficam suspensas as atividades em academias de ginásticas, studios e afins, pelo período de dez dias, começando a contar a partir de 10 de julho.

De acordo com o documento publicado em diário oficial o fechamento desses locais ocorreu “considerando a necessidade de adoção de novas medidas para garantir o afastamento social, evitar as aglomerações de pessoas, diminuir a taxa de infecção do novo Coronavírus e evitar a sobrecarga dos serviços de saúde”.

Ontem (9/7), os profissionais da área também estiveram no local para manifestar a insatisfação quanto a nova normatiza, porém, as solicitações da classe não foram atendidas. Desse modo, a categoria decidiu apresentar uma proposta para tentar reverter a situação, nesta sexta-feira.

Conforme informado pelo professor/sensei Ramão Lopes, integrante da comissão responsável por fazer a interlocução dos profissionais da categoria com a administração municipal, a reunião foi realizada com a presença do procurador geral do município Sérgio Henrique Pereira Martins de Araújo.

Ainda de acordo com ele, durante a reunião, a categoria propôs que a abertura dos estabelecimentos acontecesse em apenas três dias da semana, seguindo todas as normas de segurança para evitar a propagação do vírus, entretanto, não houve acatamento da proposta.

“Nos deram um documento dizendo que não é possível e aí nós pedimos a promessa do procurador de que não vai se prorrogar isso depois de 10 dias, e ele prometeu pra gente em nome da prefeita”, relatou Ramão.

Conforme o decreto, “O Município de Dourados executará a fiscalização através da Guarda Municipal, dos fiscais de postura, de Vigilância Sanitária e Ambiental para o cumprimento das medidas previstas, e aplicação das sanções administrativas e penais cabíveis”. Manifestação na quinta-feira (9) Na quinta-feira, a reportagem do Dourados News esteve no local durante o protesto e os profissionais da área afirmavam que a atividade física é o único suporte para a população cuidar da saúde neste momento. No dia, Jair Amaro, que representava o grupo de academias, foi enfático, “estão tomando medidas que não está funcionando aqui em Dourados, não dão remédio para ninguém, você vai lá e não dão suporte para nada, a Saúde tá uma porcaria”. Donos de bares e conveniências também participaram da manifestação, conforme informado pelo Dourados News. Inclusive, poucas horas depois, um novo decreto nº 2.735 foi publicado, permitindo que esses estabelecimentos atendam pelo sistema drive-thru e delivery.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE