Assessores de Harry teriam detonado Meghan Markle por causa de colar

Quando a atriz ainda namorava o príncipe, paparazzi a fotografaram usando uma corrente com as inicias H e M

| METRóPOLES/OLíVIA MEIRELES


Um colar teria causado um desentendimento entre os assessores do Palácio de Kensington e a atriz Meghan Markle. Segundo o livro Finding Freedom: Harry, Meghan and the Making of a Modern Royal Family, quando a americana ainda namorava o príncipe Harry, paparazzi a fotografaram andando nas ruas de Toronto usando uma corrente com as inicias H e M.

As imagens tiradas em dezembro de 2016 foram publicadas em diversos jornais ingleses, alimentando ainda mais a curiosidade do público em torno do romance dos dois.

Uma frase teria sido dita em uma conversa privada entre os irmãos e, após a afirmação, Harry acusou William de ser esnobe

A americana, entretanto, não achou o gesto da cunhada suficiente para remediar o relacionamento

Havia ainda a expectativa do casal resgatar o vira-lata Borgart quando se estabelecesse em Los Angeles, onde a família mora desde março

Segundo o Daily Mail, a atriz escolheu a data para coincidir com a divulgação da biografia não-autorizada do príncipe

Os funcionários da família real ligaram para Meghan e chamaram a sua atenção. Eles acreditavam que esse tipo de imagem só incentivava os fotógrafos a perseguí-la. De acordo com os autores da biografia não-autorizada, Omid Scobie e Carolyn Durant, a atriz se sentiu frustada e triste por ter tomado a bronca.

“Ela entendeu que o assessor tinha boas intenções, mas achou surreal uma pessoa do trabalho do seu namorado dizer que tipo de joia ela poderia usar — e ainda pedir para ela não sorrir tanto para os paparazzi”, a dupla escreveu no livro.

Harry teria dado a joia de presente à Meghan no início do namoro. A atriz usava o colar constantemente e não havia colocado a corrente de propósito para provocar os paparazzi. Menos de um ano depois das fotos terem sido tiradas, Meghan e Harry anunciaram o noivado.

Uma réplica do colar usado por Meghan MarkleInstagram

Meghan Markle e príncipe HarryKarwai Tang/WireImage/Getty Images

Eles casaram-se em maio de 2018Chris Jackson/Getty Images

Eles decidiram abdicar de seus cargos do alto escalão Getty Images

Eles foram proibidos pela rainha de usar a marca Sussex RoyalReprodução/Instagram

Meghan esbanja simpatia em eventos relacionados à caridade e altruístas Tim Rooke/Pool/Samir Hussein/WireImage

Após o primeiro date, Meghan começou a seguir a conta misteriosa do príncipe Victoria Jones - WPA Pool/Getty Images

Meghan Markle sentiu-se 'indefesa' durante a gravidez Chris Jackson - WPA Pool/Getty Images

Príncipe Harry, Meghan Markle e o filho Archie, de um ano@tiscali.it/instagram/reprodução

Príncipe Harry, Meghan Markle e o filho, Archie, moram em Los Angeles, Estados UnidosToby Melville - Pool/Getty Images

Família reunida! Príncipe Charles, príncipe William, Kate Middleton, Meghan Markle e príncipe HarrySamir Hussein/Samir Hussein/WireImage

De acordo com o jornal Daily Mail, o conteúdo da biografia não-autorizada que será lançada em 11 de agosto, deve azedar de vez a relação dos Sussex com a família real. A reportagem publicada pelo tabloid diz que, apesar de não admitir, o casal conversou pessoalmente com os autores Omid Scobie e Carolyn Durand.

Por isso, a biografia seria a versão de Meghan e Harry sobre as polêmicas envolvendo o casamento e a saída da família real. “O casal está bem ressentido em como as coisas terminaram. Eles não acreditam que foram protegidos pela monarquia britânica e devem contar outros detalhes dos acontecimentos', disse uma fonte à publicação.

Segundo o Daily Mail, quando Meghan e Harry ficaram sabendo sobre a produção dessa biografia, eles pediram para sua equipe entrar em contato com os autores. O casal queria saber qual o conteúdo e o viés do livro. Depois de se sentirem confortáveis com a abordagem, vários jantares e reuniões foram marcadas para os quatro conversarem pessoalmente.

Além disso, amigos próximo foram autorizados a dar entrevistas aos jornalistas. O tabloid escreveu ainda que o duque e a duquesa de Sussex querem usar o conteúdo para refazer a sua imagem deles na imprensa.

Representantes do casal negaram que eles deram entrevistas aos autores, mas não negaram o conteúdo do livro.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE