Pecuarista é multado em R$ 10 mil por desmatar área ambiental

| DOURADOSNEWS / DA REDAçãO


Foto: Divulgação

Durante vistorias nas propriedades rurais do município de Brasilândia, policiais militares ambientais de Três Lagoas autuaram ontem (23/10) um pecuarista por degradações ambientais em área protegida em uma fazenda localizada no distrito de Brasilândia, à margem do rio Verde.

Durante a vistoria foram verificadas degradações ambientais em áreas de matas ciliares na fazenda pertencente ao autuado.

O infrator, cuja propriedade fica à margem do rio, permitia que seu gado acessasse livremente à vegetação das áreas protegidas do curso d’água e o pisoteio estava causando erosões do tipo ravina e assoreamento do rio.

O fazendeiro foi notificado a retirar o gado da área protegida, que medida com GPS perfez 2 hectares.

O pecuarista (67), residente em São Paulo (SP), foi autuado administrativamente e multado em R$ 10 mil. O autuado também poderá responder por crime ambiental de degradação de área de preservação permanente (APP). A pena é de um a três anos de detenção.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE