Polícia Federal vai investigar morte de onça ferida a tiros no Pantanal

Animal foi encontrada por pesquisadores que faziam monitoramento na região da Serra do Amolar

| MIDIAMAX


Onça foi encontrada morta na Serra do Amolar. - (Foto: Divulgação/ IHP)

Após pesquisadores do Instituto Homem Pantaneiro, em Corumbá, distante 429 km da Capital, encontrarem uma onça pintada morta, na última quinta-feira (29), a Polícia Federal fez a perícia do animal e abriu investigações. Equipe da PF foi enviada à Comunidade Barra de São Lourenço para coletar informações sobre autoria do crime.

A PF fez diligências para recolher informações sobre o ocorrido. Além disso, foi feita perícia sobre o corpo da onça, e aberta investigação. A equipe contou com cinco membros, incluindo quatro policiais e um perito crimina federal, vindo de Brasília-DF para a inspeção.

As fiscalizações seguem acontecendo na região, contra crimes ambientais, e tem o apoio do Grupo de Polícia Marítima em Corumbá. Até o momento nenhum suspeito foi identificado.

O membros do projeto do Instituto Homem Pantaneiro (IHP) procuravam a onça Joujou, resgatada das queimadas no ano passado, quando avistaram urubus em uma área que o felino havia estado, A princípio, a equipe pensou se tratar de uma presa da onça, porém, constataram a presença do animal já morto.

Como havia suspeita de ação humana na morte do felino, a instituição tomou todas as providências possíveis para não deixar impune tal atrocidade e já fez a comunicação aos órgãos Polícia Federal, Polícia Militar Ambiental e ICMBio.

A Equipe de campo se concentra neste momento em tentar localizar a onça macho Joujou que estaria na mesma região há dois dias atrás. Joujou foi resgatada ano passado vítima do fogo e devolvida à natureza com colar de rastreamento. Procura será para conferir a saúde do animal.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE