Dinamarquês cai em campo e precisa ser reanimado por médicos

| MIDIAMAX


Foto : Reprodução

A partida entre Dinamarca e Finlândia, em Copenhaguen, foi suspensa aos 42 minutos do primeiro tempo, após Eriksen cair desacordado antes de dominar a bola.

Foram mais de 10 minutos angustiantes, com os médicos fazendo massagem cardíaca e tentando reanimar o dinamarquês da Inter de Milão. Em uma tentativa de oferecer privacidade a ele e evitar que a torcida acompanhasse o atendimento, os integrantes de ambas as seleções, todos visivelmente preocupados e abalados, cercaram Christian. Enquanto isso, médica tentou, por cerca de 10 minutos, ressuscitá-lo com massagem RCP (Reanimação Cardiopulmonar) e um desfibrilador.

Nas arquibancadas, muitos fãs ficaram de costas para não ver a cena. Logo após, o jogador deixou o campo na maca, já consciente e usando um balão de oxigênio.

De acordo com a Uefa, Eriksen foi transferido para um hospital e está estabilizado. O jogador dinamarquês Christian Eriksen não teve uma convulsão. O que ocorreu foi uma morte súbita. E, devido ao rápido atendimento, essa morte súbita foi 'abortada'. 

O Le Blog Maria Antonia fez esse fio para explicar.

Fotos : Reprodução


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE