Com mais de mil casos e 23 mortes em 24h, MS soma 354,2 mil infectados pela covid

Média de casos teve leve aumento e Saúde reforça que população deve manter cuidados

| MIDIAMAX


Estado tem uma média móvel de 634,6 casos e 20,6 mortes por covid por dia. - Leonardo de França/Midiamax

Mato Grosso do Sul já soma 354.221 casos confirmados de Covid-19, com 1.060 novos registros nesta quarta-feira (28). Foram registradas mais 23 mortes, conforme boletim epidemiológico do novo coronavírus, apresentado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde). O Estado tem uma média móvel de 634,6 casos e 20,6 mortes por dia.

Com mais de mil casos novos em 24 horas, a secretária adjunta Crhistinne Maymone reforçou que a quantidade de infectados é um indicativo da presença da doença em Mato Grosso do Sul. A secretária afirmou que o Estado tem uma média móvel estável, mas ainda alta. 

“Estamos oscilando em casos, na segunda-feira tinha muito menos. De concreto, sabemos que o vírus está aí, temos que fazer nossa parte: nos prevenir e prevenir toda a sociedade também', disse nesta manhã. 

Com os novos óbitos, o total de vítimas fatais em MS chega a 8.893 mortes desde o início da pandemia. As novas mortes foram registradas nas seguintes cidades: Campo Grande (12), Aquidauana (2), Ponta Porã (2), Anastácio (1), Cassilândia (1), Deodápolis (1), Jardim (1), Rio Brilhante (1), Sidrolândia (1) e Terenos (1). 

A SES também destacou que MS já contabiliza um total de 989.787 casos notificados, dos quais 625.874 foram descartados. Há 1.599 testes em análise no Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública) e 8.093 casos sem encerramento pelos municípios.

Os novos casos trazem Campo Grande à frente, com 545 novos casos, seguida por Três Lagoas (73), Dourados (72), Corumbá (62), Chapadão do Sul (36), Paranaíba (22), Jardim (19), São Gabriel do Oeste (18), entre outros. Confira o boletim aqui. 

De 354.221 casos confirmados em MS, 337.707 pacientes se recuperaram. Em relação às internações, MS tem 599 pacientes internados. Destes, 262 estão em leitos clínicos (200  públicos e 62 privados) e 337 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), dos quais 267 estão em leitos públicos e 70 em privados.

A taxa de ocupação de leitos de UTI públicos global nas 4 macrorregiões de MS é de: 80% em Campo Grande, 80% em Dourados, 63% em Três Lagoas e 59% em Corumbá. Campo Grande tem 24 pacientes na fila de espera por leitos, enquanto Miranda e Três Lagoas têm um paciente na fila.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE