Mais de 35 mil estão na fila por cirurgias eletivas em MS

. Já a cirurgia do aparelho digestivo, órgãos anexos e parede abdominal é de 7.899


Dados divulgados pelo CFM (Conselho Federal de Medicina) apontam que 35.071 pessoas estão na fila para procedimentos cirúrgicos sem urgência através do SUS (Sistema Único de Saúde), no Mato Grosso do Sul. 

 

Do total, 2.452 cirurgias eletivas são de pacientes de Dourados que aguardam para o tratamento. Não são incluídos os números relacionados às cidades da região que utilizam o município como polo desses serviços. 

 

No Estado, a cidade com maior número de procedimentos parados é Campo Grande, com 22.780 e a terceira colocada é Três Lagoas, 1.339. 

 

De acordo com o levantamento realizado pelo Conselho, só em 2017 mais de 15,7 mil pacientes entraram na fila para a realização dessas cirurgias eletivas em Mato Grosso do Sul. Em 2016 houve constatação de 17,3 mil casos.

 

Em todo o país, a fila de espera para cirurgias eletivas chegou a aproximadamente 904 mil procedimentos apenas esse ano.

 

Maiores demandas

 

Entre os procedimentos o que possui maior quantidade de pessoas na fila é a cirurgia de aparelho de visão, com 15.101 pacientes no aguardo. Já a cirurgia do aparelho digestivo, órgãos anexos e parede abdominal é de 7.899.

 

Cirurgias no aparelho circulatório e geniturinário aparecem logo depois com 6.035 e 5.204 pacientes na fila de espera para a realização das cirurgias em Mato Grosso do Sul. Confira o relatório completo aqui.

 

Hospital fechado

 

Em 2015 foi inaugurado em Dourados o Hospital de Cirurgias Eletivas para atender a demanda do município e região, porém, em novembro do ano passado o local foi fechado para reparos em sua estrutura e desde então não retomou os atendimentos.

 

Recentemente, em visita a cidade para entrega e lançamento de obras, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) declarou que o processo licitatório para a contratação de OS (Organização Social) que comandará o local já estava em fase final. 


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE