Peça de ar-condicionado do Hospital Regional será consertada fora do Estado

Aparelho quebrou no início do mês e solução deve demorar um pouco mais que o previsto


Sem ar-condicionado desde início do mês, o PAM (Pronto Atendimento Médico) do Hospital Regional toma medidas paliativas para amenizar o calor no setor. A empresa responsável pela manutenção do aparelho identificou a quebra da hélice, que já foi retirada para o conserto. O problema é que o reparo é feito fora de Mato Grosso do Sul e, por isso, deve demorar um pouco mais.

O problema que persiste desde o dia 6 de fevereiro, foi relatada pela irmã de um paciente.A central do sistema de ar-condicionado do HR apresentou problemas e deixou os pacientes no calor.

O Campo Grande News indagou a assessoria de imprensa sobre a situação e a previsão de conserto, que destacou que a quebra de uma hélice danificou as colmeias do aparelho. Informou ainda, que a empresa especializada já providenciou a retirada das mesmas com envio para conserto fora do Estado. O local do destino não foi informado.

Sobre o prazo, a assessoria pontuou que ainda acabou e que na data estabelecida serão retomados os serviços de reinstalação e o ar condicionado restabelecido no PAM. O hospital garante que todos os esforços estão sendo adotados para que a normalidade volte ao perfeito funcionamento do setor. Medidas paliativas estão sendo colocados para amenizar o condicionamento do ar.

Direto das Ruas - A sugestão de reportagem chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.


Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do Canaldaqui (67) 98186-1999

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100010531782535

Clique aqui e receba notícias do Canaldaqui no seu WhatsApp!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE